O céu é o Limite?


Limites


Até onde um cachorro pode entrar em uma floresta? Pense um pouco e me responda... Huumm, pensou? Pense mais um pouco! Não conseguiu responder? Então deixa para o profissional aqui responder ãhã! Um cachorro só pode entrar em uma floresta até a metade, por que da metade em diante ele não está mais entrando e sim saindo, daaaaah!
O legal dessa piadinha é que podemos refletir sobre várias situações e hoje eu irei falar sobre o começo e o fim, começo e o fim? Não! Sobre o que determina o começo e o fim, o Limite. É o “até onde vamos”, mas o mais interessante é que passei a vida inteira ou seja, nasci, cresci, fiquei burro depois casei e com certeza morrerei num futuro bem distante depois de você caro leitor(a) e nesse período aprendi a ter limites ou lidar com ele, aprendi que tinha que vencer meus limites, na verdade burlar os limites, depois aprendi que terei que aprender a saber quais são meus limites para vencê-los e atualmente estou descobrindo que terei que redescobrir quais serão minhas limitações para aprender a conviver com elas, sem ultrapassá-las retornando ao ponto de partida.
Quando paro para pensar nisso tudo- e agora você - descubro que esse lance de limites é extremamente angustiante e também neurótico. Nossa como a vida é neurótica! Nossos valores, ideais, sonhos toda a nossa sociedade é neurótica, mas felizmente só não passamos de neuróticos a psicóticos graças aos limites que aprendemos a lidar durante toda a vida ou parte dela.
Tudo é complicado, hoje em dia tudo é uma complicação, não há mais simplicidade nas coisas, nas nossas relações e em nossas ações, Aff minha nossa senhora da semana passada até parece que a humanidade esqueceu-se de como podemos simplificar todas as coisas, na época de colégio eu ficava P da vida com os meus professores que transformavam tudo em complicação com as suas teorias malucas, se me perguntassem porque o céu é azul, eu diria ah por que estamos no planeta Terra, se fosse vermelho estaríamos em Marte, mas não o meu professor tinha que dizer que a nossa atmosfera é composta de sua maioria de Nitrogênio e que por causa da refração da luz nesse gás causa o efeito azul no nosso céu, putz! Quanta complicação e chatice.
Às vezes não sabemos que nós não sabemos - e em minha opinião somos muito mais felizes assim - sabemos que não sabemos, depois para não perder o emprego, sabemos apenas.
Outro dia estava conversando com a minha amiga Jaqueline e ela disse que não tinha limites quer dizer ela achava que não tinha limites ou pelo menos desconhecia quais eram os seus limites.
Saber sobre as coisas também tem seus limites, nós não conseguimos aprender tudo o quanto queremos ou sabemos de tudo até por que há algumas coisas que sabemos mais do que outras.
É o que acontece quando a JaCqueline (a minha esposa se escreve com C, tensão kkkk) está conversando com a minha mãe sobre a construção do apartamento, elas ficam horas conversando sobre isso discutindo sobre as transformações que o apê irá passar, então elas ainda perguntam para mim com a maior naturalidade se eu não acharia que ficaria mais bonito do jeito que elas vêem, quando elas escutam um sonoro não sei e não consigo imaginar elas olham para mim como se eu fosse o ser humanos mias idiota(daaaah), não sou e você também não é obrigada(o) a saber e ter respostas para tudo.

Então, Jaqueline, a minha amiga que não é a minha esposa, por que a minha esposa é Jacqueline com C (perceberam a tensão, sinal de neurose, hahaha) então... Jaqueline Zapalá, hahaha que raios de sobrenome é esse? É apelido? Muito obrigado pela sugestão do tema! Ah e te digo, sim, você tem limitações e elas são boas, quero dizer vitais, ou então você vai endoidar com as nossas angústias diárias!

E então, você está entrando ou saindo da sua floresta?
.

3 comentários:

Anônimo disse...

nao tinha como haver explicação melhor pelo tema sugerido por mim.. e olhe que eu nem entendia(ou ainda nao entendo tão bem quanto) sobre limite.. muuuito obrigada, Sr. Sam. Sim, Zapalá nao é meu sobrenome verdadeiro.. aderi de umas dupla que morro de paixão oihouhio :P (L) /Jaque com q

Anônimo disse...

corrigindo: de uma dupla*

blog do iata san disse...

Jaquezinha, que bom q pude mostrar a você um ponto diferente do seu, e sempre seja bem vinda a ler os textos e contribuir com suas idéias maravilhosas.
bjão